28 de abr de 2015

Esquerda volver

A direita não sabe brincar;
A direita não teve infância;
A direita toca mal;
A direita perde o ritmo;
A direita cagueta os amiguinhos;
A direita é acostumada com mulheres frígidas !
A direita não tem literatura que se preze...etc...
A esquerda sonha...
A esquerda começa na base,
A verdadeira esquerda é libertária...

Leandro Acácio

24 de abr de 2015

Meio-dia

Dormi
no sol...
me fundi.

Thiago Kalu

Rasa clareza

A Lua minguante
enquanto nascente
é uma risada dourada,
 
é uma fatia de melão cortada
lumiada
e gigante,
 
é uma rede pendurada
na gravidade da noite
estendida no horizonte,
 
onde sua beleza
pousa e paira pura
com rara finura
e densa fineza.
 
Thiago Kalu

Amor próprio

More no seu
amor próprio
pois é complicado
morar de aluguel
em corações alheios.

Zack Magiezi

22 de abr de 2015

palavra em magia

neste vasto mundo tão louco
ninguém quer saber de poesia
querem só é dinheiro no bolso
confortos que a mente atrofia
leio muito e escrevo um pouco
sigo pensando no que eu diria
quando em meio a este sufoco
quem fala e grita fica rouco
mas a garganta não se alivia
daquele objetivo se distancia
importante não é dar o troco
é nas atitudes que se amplia
pois se o cérebro não é oco
transforma palavra em magia

Pedro Campos

Reticências

há certos exageros em pontuar certas coisas:
de tanto por pontos finais
acabou-se em intermináveis reticências.

Jefferson Santana

Cálculo

Criança sem casa,
eu calculo,
deve ser igual borboleta
tentando criar asa
sem casulo.

Paulo D'Auria

eterno contínuo

se colhemos o que plantamos
e voltas o mundo dá
por que é que o amor
tarda em me encontrar

Lu'z Ribeiro

Pensamento Chão

Sopra, alguém disse. Sopra com força
que o cisco sai do olho dela e ela para de chorar.
Mas não havia cisco.
Só água descendo sem mãos que acolhessem
sua vontade de chão.

Viviane Mosé

Sob os tapetes

Mesmo quem gosta de expor a realidade dos fatos
também esconde sob os tapetes a poeira da verdade,
um tapa na cara dói muitos mais que um desacato
mas tem por desculpa proteger a sociedade!
O negro como predador do negro...
é mais que um registro no DNA da historia,
seja por ganância, sobrevivência ou medo
qualquer um guarda um caso na memória!
Quem lotou o navio negreiro Amistad
depois saiu á caça como capitão do mato
hoje é o policial negro que mata o mulato
tudo pela sobrevivência de uma sociedade
que sai ás ruas para não ver o negro na faculdade
por que o conhecimento revela o direito á liberdade!!
 
Walter Soares

17 de abr de 2015

quem quer

quem quer guerra
come terra
quem quer paz
muito jazz
quem quer nada?
morre na morada.


Leandro Acácio